Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas de uma Vida Pouco Privada

Espaço dedicado à vida pouco privada de uma família de quatro, mãe, pai, mini e micro, gerido pela mãe que tenta não se esquecer de ser mulher e companheira quase todos os dias...

Espaço dedicado à vida pouco privada de uma família de quatro, mãe, pai, mini e micro, gerido pela mãe que tenta não se esquecer de ser mulher e companheira quase todos os dias...

Coisas #1

FotoJet Collage.jpg

1 Coisa: Hoje é o dia da Mulher, que para mim é basicamente todos os dias, visto que... sou mulher e partilhei um texto no facebook, escrito pela minha ginecologista no seu blog que retrata tim tim por tim tim aquilo que eu penso e sinto acerca disto da igualdade e afins. Aqui está o link para quem estiver interessado.

 

2 Coisas: O Micro continua a acordar a meio da noite e agora todos os dias desperta por volta das 7:15 da manhã pronto para começar o dia. Definitivamente não sou uma "morning person" mas acho que tenho de passar a ser e aproveitar esse tempo extra que o Micro arranjou maneira de me proporcionar.

 

3 Coisas: Já escrevi mais duas pequenas histórias de fanfic que estão neste momento na minha editora lol. Sim há uma rapariga canadiana que lê o que escrevo e corrige, porque escrever em inglês é muito giro mas garanto-vos que depois de ela editar tudo fica a fazer muito mais sentido...

Isto tudo para dizer que a cena da escrita é assim meio que um novo vicio que arranjei... porque eu até já tinha poucos...

 

4 Coisas: Acho que finalmente consegui organizar a minha agenda desportiva e vou tentar yoga à segunda à hora de almoço, ginásio à quarta à hora de almoço, gostava de ir correr ao sábado de manhã... mas vamos ver. Pelo menos duas vezes por mês gostava de fazer uma aula de yoga mais completa à quinta ao final do dia. E ainda quero convencer a P a fazer uma sessão de contemporâneo assim uma vez por mês. Preciso destes ritmos na minha vida... rapidamente, estou cada vez mais preguiçosa.

 

5 Coisas: O Mini amanhã vai na primeira visita de estudo sozinho a Lisboa. Na verdade ele no inicio deste ano lectivo fez duas visitas de estudo, mas aqui nos arredores, ao Zoomarine e a uma quinta pedagógica perto de Albufeira, mas desta vez vai a Lisboa, sozinho... acho que é o único que vai sozinho... mas enfim, nós somos uns pais assim estranhos aparentemente.

Vai ao Oceanário e ao Parque Mayer ver o Tarzan do La Féria. Acho que vai adorar e vai levar mais mães que todos os outros amiguinhos, já que além da professora ainda há mais duas ou três mães que se ofereceram logo para o aperfilhar lol.

As nossas razões para não ir: Conhecemos demasiado bem o Mini para saber que se nós formos ele vai passar o dia agarrado à nossa perna e não vai aproveitar nada desta experiência magnifica. Por isso nós ficamos de coração apertado aqui e ele vai curtir para Lisboa... é isso que é ser mãe e pai não é?

 

6 Coisas: Quase todos os dias sonho com o calor, a minha pele está miserável e as alergias já se instalaram. Que venha o verão já por favor.

 

7 Coisas: Finalmente este fim de semana consegui organizar tudo para a semana que entra como pretendia, andava há mais de um mês a tentar entrar neste ritmo espero não me perder pelo caminho. No sábado de manhã limpei a casa (ficou a faltar aspirar e lavar o chão que fiz à hora de almoço) e planei as refeições da semana. No domingo de manhã fizemos as compras da semana e ao final do dia, fiz os lanches da semana. Fiquei muito contente. Pelo meio ainda fomos ao café com os bisas, andámos de bicicleta e ainda fomos passear à praia.

O ínicio...

Comecei a escrever... sim comecei a escrever ficção, algo que nunca me passou pela cabeça, visto ser da área das ciências, mas depois das centenas de livros que li ao longo da minha relativamente curta vida, comecei a escrever e dai a criar um blog publico, que não seja só o meu diário foi um passinho muito curto. 

Por isso decidi vir aqui sempre que posso, me lembro e quero postar os meus devaneios, sejam eles relacionados com a escrita ou não. São os devaneios de uma familia de quatro, mãe, pai, mini e micro que a mãe gostava que fosse maior mas a carteira ainda não deixa.

 

627f8866946ac55084ac5f857f26bcbd.jpg