Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma Vida Pouco Privada

Espaço dedicado à vida pouco privada de uma família de quatro, mãe, pai, mini e micro, gerido pela mãe que tenta não se esquecer de ser mulher e companheira quase todos os dias...

Espaço dedicado à vida pouco privada de uma família de quatro, mãe, pai, mini e micro, gerido pela mãe que tenta não se esquecer de ser mulher e companheira quase todos os dias...

Três anos de Micro

Micro, a mostrar-me que não percebo nada disto de ser mãe, desde 2015...

No sábado passado festejámos os 3 aninhos do Micro, com direito a casa cheia e a uma chuva ao final do dia para abençoar os parabéns. A experiência que lhe oferecemos acabou por ser a ida ao Badoca, a convite dos padrinhos, que não foi planeada mas que correu muito bem. ( E que contarei em detalhe noutro post).

O Micro tem uma personalidade forte, é muito birrento e ao contrário do que escrevi no ano anterior já não pede desculpa com muita facilidade. 

O Micro continua a mostrar-me que não são só os recém nascidos que acordam de noite, que coisas que foram simples com o irmão, como deixar de beber leite durante a noite, deixar a fralda para dormir ou mesmo deixar a chupa, podem não ser tão simples com todas as crianças. 

Mas acima de tudo, surpreende-nos quase todos os dia, com os seus comentários de menino grande, com os beijos e abraços generosos, com as gargalhadas soltas, com os comentários da escola que dizem que lá não há birras nem fitas, com a ajuda que dá em casa, a pôr a mesa e a arrumar a roupa, com a vontade que tem de fazer tudo o que o irmão faz.

O Micro fala pelos cotovelos, já anda de bicicleta com rodinhas (não lhe saiu à primeira mas lá conseguiu), quer quase sempre calçar os sapatos sozinho, despe-se sozinho para tomar banho (excepto a camisola) e nos dias bons, come sozinho, mas ainda usa fralda à noite para dormir, continua a acordar normalmente uma a duas vezes por noite, disputa quase todos os brinquedos do irmão e de manhã continua a pedir o leitinho.

O Micro é o puto mais mimado daquela casa e a culpa é de todos e daquele sorriso de malandro que ele usa orgulhosamente.

micro.jpg

 

 

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.